Qual a fortuna de Robinho hoje?

Qual a fortuna de Robinho hoje? A condenação na Itália lhe renderá algum prejuízo? O ex-jogador do Santos, muito famoso no Brasil e com reconhecimento em outras partes do mundo, se envolveu em polêmicas há algum tempo. Seu nome, portanto, está manchado devido a um caso de estupro, pelo qual a justiça italiana agora o condenou.

A última instância o condenou por estupro coletivo, tornando incerto o futuro do jogador no futebol. De acordo com o UOL Esporte, amigos de Robinho afirmaram que ele ainda tinha vontade de jogar pelo Santos, mesmo que para uma despedida. Contudo, com a condenação, isso se torna praticamente impossível.

Leia mais: Qual a fortuna de Neymar Jr?

O Santos, além disso, está finalizando uma dívida com o jogador. O total, antes, era de R$ 2,3 milhões, que se reduziu para R$ 1,8 milhão após renegociação. Assim, falta uma parcela no valor de R$ 150 mil.

Em outubro de 2020 o Santos contratou Robinho, mas os patrocinadores fizeram uma pressão que levou à suspensão do acordo. Assim, se considerou uma rescisão logo depois, mas por fim decidiram aguardar o fim do vínculo, que era em 28 de fevereiro do ano de 2021.

Todavia, mesmo com a condenação e a reputação manchada, Robinho não deve ter problemas financeiros. Um amigo seu contou que o atacante tem dinheiro não apenas para ele, mas filhos e netos, o que denota que a fortuna de Robinho hoje é alta.

Leia também: Qual a fortuna de Ronaldinho Gaúcho?

A fortuna de Robinho hoje

A fortuna de Robinho hoje inclui duas casas, uma para lazer e outra para cotidiano, localizadas no Guarujá e em Santos, respectivamente, na Baixada Santista. Na do Guarujá, o jogador conta ainda com uma quadra de futevôlei, onde até mesmo realiza campeonatos.

Além das casas, o jogador tem economias, e já passou por outros clubes além do Santos, inclusive no futebol da China, assim como no Manchester City, Real Madrid e ainda dois clubes na Turquia. Bem como, aplica seu dinheiro em investimentos.

Robinho, além disso, também recebeu sondagens para participar de clubes menores no exterior e no Brasil, mas negou ambos. Assim, a possibilidade de retorno era apenas para jogar no Santos. Ele chegou a realizar treinos no clube Portuários, mas agora treina em casa, na maior parte do tempo.

O caso do estupro

O caso do estupro coletivo ocorreu na cidade de Milão, Itália, numa madrugada de janeiro, no ano de 2023. A vítima foi uma mulher da Albânia, que estava comemorando o aniversário. Robinho não foi o único a participar do ato, mas também seu amigo Ricardo Falco, assim como mais quatro brasileiros.

Ao ser interrogado em 2014, Robinho confirmou que teve relação sexual com a vítima, mas negou qualquer violência sexual. Em outubro de 2020, reafirmou que não cometeu abuso sexual. O jogador não compareceu a qualquer das audiências durante o julgamento, que durou quase seis anos.

Foi em outubro de 2020 que o caso chamou atenção outra vez, quando o Globoesporte.com revelou algumas conversas entre Robinho e os amigos. Nela, Robinho diz que não está nem aí, que a mulher estava bêbada e nem sabe o que aconteceu.