INSS-2

Décimo terceiro INSS não caiu, o que fazer?

Décimo terceiro INSS não caiu, o que fazer? Confira aqui!

O governo tem diversas medidas para auxiliar os civis. Elas se voltam para ajudar na renda, em momentos de necessidade. A maioria dos benefícios sociais são para pessoas de baixa-renda, dessa maneira. Contudo, existem também os benefícios dos trabalhadores. Bem como, há ainda os de pensionistas e aposentados.

Recentemente, o governo aprovou um novo pacote de medidas. O programa, então, visa dar um estimulo à economia. Isso porque, após a pandemia, houve uma inflação alta no Brasil. Isso fez com que muitos se endividassem. Como maneira de facilitar a vida dos brasileiros, então, o governo resolveu lançar o Programa Renda e Oportunidade.

Leia também: Meu INSS libera consultas de empréstimo consignado

Suas medidas incluem um microcrédito digital, aumento do empréstimo consignado, saque especial do FGTS e antecipação do 13°. Assim, o 13° salário que pensionistas e aposentados recebem chega mais cedo no ano de 2022. O governo já liberou as datas, e tudo ocorre através de vínculo com o INSS.

Muitos organizam suas finanças aguardando por esses benefícios. Assim, a renda acaba dependendo dos valores que essas pessoas vão receber. Contudo, às vezes podem ocorrer erros, o que atrapalha a vida financeira dos cidadãos. Portanto, vamos te explicar aqui o que pode ter ocorrido se o seu décimo terceiro não caiu ainda.

Além disso, também explicamos o que fazer nessa ocasião. Continue lendo para entender mais!

economia-previdencia-social-inss-20170317-001-e1629977538994

Décimo terceiro INSS não caiu, o que fazer?

Se o deu décimo terceiro não caiu, é importante conferir as datas. Os pagamentos ocorrem em datas precisas, seguindo um calendário. Assim, se você tenta sacar no dia incorreto, o valor não vai estar disponível. Então, isso significa que o seu dinheiro ainda vai cair, não que ele não foi pago.

É normal confundir as datas, portanto você deve se atentar ao calendário. Ele segue de acordo com o número do final do Benefício. Ainda assim, se por acaso você perceber que a data está correta e mesmo assim não há o valor, pode haver outro motivo.

Os principais são um erro no próprio sistema do banco, um erro nos seus dados bancários, ou uma interrupção do pagamento, o que impede sua emissão. Nesse último caso, o banco deve justificar a razão da suspensão do benefício.

Ou seja, se há alguma irregularidade, o INSS deve explicar a você o que está acontecendo. Assim, se você precisa entender o que ocorreu, entre em contato com a central através do número 135, ou faça a consulta do seu extrato de pagamento mensal.

Nesse extrato, é possível checar o status do seu benefício. Assim, você pode conferir se ele está ativo ou não, qual o valor do depósito, as datas, bem como informações extras.

Além disso, você também pode consultar o site ou app do Meu INSS, inclusive para checar o extrato. Por fim, é possível também pedir o pagamento não recebido através do app ou site.

Para isso, faça o login, clique em “Agendamentos e Solicitações”, depois na opção de “Novo Requerimento”. Então, na barra, digite “solicitar pagamento de benefício não recebido”. Insira seus dados, depois aperte em “Avançar”. Depois disso, aguarde e acompanhe o processo.

Para acompanhar, você pode clicar em “Atendimentos/Solicitações”. Lá, você verifica como está a situação do seu pedido.