Arthur Aguiar ficou rico com o prêmio do BBB?

Arthur Aguiar ficou rico com o prêmio do BBB? Se ganhar R$ 1,5 milhão é riqueza, então sim. O ator venceu a 22ª edição do programa, cuja final teve apenas homens, algo inédito. Além do prêmio máximo, Aguiar também faturou R$ 30 mil com as provas, R$ 60 mil com aluguel de patrocinador, R$ 12 mil em roupas e R$ 2 mil no delivery de outra marca.

Sem dúvidas, pobre ele não está. Resta agora fazer esse dinheiro render, e aproveitar o quanto puder. Com essa quantia, sem dúvidas Aguiar tem o poder para mudar de vida e alcançar a independência financeira. Foi isso o que ele afirmou querer, aliás. O ator ainda afirmou que não era rico, e que vivia uma vida profissional instável.

Leia também: Quanto Anitta ganha por mês?

Aguiar cresceu na Zona Norte do Rio de Janeiro. Ele tem 32 anos hoje, e foi abandonado por seu pai quando tinha apenas 3. Casou-se com Maíra Cardi, uma coach de dietas de emagrecimento. Aguiar se tornou alvo de chacotas após trair a esposa mais de dez vezes. Eles se separaram por um tempo, e depois resolveram voltar.

Cardi também obteve destaque durante o programa. Por se associar à imagem do marido, acabou chamando atenção nas redes. Cardi, por sua vez, é sim rica, e já afirmou saber fazer dinheiro. Agora, Aguiar talvez tenha a chance de aumentar sua renda também. Todavia, não basta apenas se aproveitar da fama passageira. Isso porque, agora que o BBB acabou, não há mais do que tirar do programa.

Assim, Aguiar precisa movimentar seu dinheiro e se aproveitar da atenção que recebe agora. Além disso, ainda que possua muitos seguidores, ele não tem o mesmo alcance de Jade Picon, por exemplo. Portanto, o uso das redes sociais, que também é fonte de renda, tem um potencial de crescimento.

Veja: Qual a fortuna de Maíra Cardi?

Arthur Aguiar – Reprodução/Instagram

Arthur Aguiar ficou rico com o prêmio do BBB?

Após ganhar R$ 1,5 milhão no prêmio e mais alguns milhares extras ao longo do programa, sim. Mas para fazer o valor render, Aguiar precisa ser esperto. Existem muitas formas de se manter não apenas com essa riqueza, mas também aumentá-la.

As redes sociais são um exemplo. Jade Picon, que nem mesmo foi pra final, tem mais de 20 milhões de seguidores no Instagram. Para publicações e campanhas, então, é um nome forte. Uma estimativa aponta que Picon não deve fechar um contrato por menos de R$ 500 mil.

Aguiar e sua mulher, devem cobrar numa média de R$ 150 mil. Eles possuem 13,6 milhões e 8,3 milhões de seguidores, respectivamente. Mas o sucesso para vender os produtos não está apenas nos seguidores. É preciso que eles se engajem. Ou seja, que reajam ao que os influenciadores estão postando.

Portanto, a estratégia é importante. Se eles quiserem investir na internet, é necessário saber como se portar. Usar a própria imagem de maneira inteligente, e sabendo os limites que ela terá de início. Após o fim do BBB, então, Aguiar deve descobrir a melhor maneira de conquistar sua independência financeira