Governo Federal faz bloqueio de Auxílio Brasil no Mês de Março: veja como consultar!

O Governo Federal realizou o bloqueio do benefício Auxílio Brasil neste mês de março para uma série de beneficiários. Vale ressaltar que o início dos pagamentos do Auxílio Brasil se deu no último dia 18, mais precisamente para 18 milhões de brasileiros.

Ainda assim, para uma série de pessoas a notícia não foi recebida de forma positiva, pois ao chegar para realizar o saque do dinheiro, alguns beneficiários se depararam com a mensagem de que o seu cartão do Bolsa Família havia sido bloqueado pelo Governo Federal.

Esses relatos indicam que ao realizar a consulta do Auxílio Brasil, uma série de pessoas tiveram o benefício bloqueado neste que é o programa que substitui o antigo Bolsa Família, um dos programas sociais de transferência de renda mais populares do mundo.

Motivos que podem levar ao bloqueio do Auxílio Brasil

O principal motivo que pode levar ao bloqueio dos pagamentos do Auxílio Brasil é o de uma família não ter atualizado nenhuma vez o Cadastro Único nos últimos dois anos. O Governo Federal ressalta que a inscrição na base de dados do Governo Federal é fundamental para se ter acesso ao novo programa, mas mesmo assim não é o único que bastará.

De acordo com as orientações do Ministério da Cidadania, qualquer dado que não bata com as informações prestadas ao Cadastro Único poderá levar ao bloqueio do Auxílio Brasil. Toda vez que ocorrer uma mudança na sua família, como o endereço de residência, telefone de contato ou mudança de renda, será necessário que o responsável atualize estas informações juntamente ao CRAS mais próximo.

Moeda Nacional, Real, Dinheiro, notas de real

O que é preciso fazer para desbloquear o Auxílio Brasil?

Se você é um dos beneficiários que foi negado ao tentar sacar o benefício e se deparou com o bloqueio do Auxílio Brasil, saiba que é possível encontrar uma solução. Lembrando que a atualização do Cadastro Único precisa ser feita sempre pelo responsável familiar.

No caso de não possuir algum documento oficial de identificação, será aceito juntamente ao CRAS um documento como Certidão de Nascimento ou Certidão de Casamento, RG, Carteira de Trabalho ou Título de Eleitor.

Se puder, o recomendado é também levar algum documento que comprove a residência, desde uma conta de luz ou conta de telefone, além de informar algum telefone que esteja atualizado para o caso de o Governo Federal precisar entrar em contato com a sua família posteriormente.