Antecipação imposto de renda bradesco 2022 já está disponível?

Antecipação imposto de renda Bradesco 2022 já está disponível? Até então, o banco não deu informações. Todavia, já existem outros informando suas taxas para o serviço.

Faz quase duas semanas que já possível declarar o Imposto de Renda. E quase desde o início, os bancos ofertam a antecipação da restituição. O prazo máximo é até o dia 29 de abril, e a restituição do excedente será feito segundo uma ordem. Ou seja, quem fizer a declaração primeiro pode ter o retorno mais cedo também.

Por isso, recomenda-se uma declaração em tempo hábil. A restituição vai ocorrer em cinco datas diferentes, ou lotes. Para portadores de deficiência, idosos e professores, há preferência na fila. Assim, confira suas condições e o tempo mais adequado para declarar.

As datas para 2022, segundo a Receita Federal, são:

  • 31 de maio;
  • 30 de junho;
  • 29 de julho;
  • 31 de agosto;
  • 30 de setembro.

Mas é possível, todavia, restituir esse valor antes das datas. Isso porque vários bancos oferecem a restituição, dando um crédito mediante uma taxa de juros específica. Ou seja, ao invés de esperar pelo valor, o banco faz a antecipação. Assim, o uso já fica disponível, funcionando como um empréstimo que tem garantia.

Os valores dos juros dependem de cada instituição.

Antecipação imposto de renda Bradesco 2022 já está disponível?

Ainda não, mas em breve o banco deve liberar as informações. Contudo, você pode conferir abaixo os critérios dos outros bancos:

  • Itaú Unibanco: o contrato do serviço é até o dia 31 de outubro. A restituição é exclusiva aos clientes que decidirem pelo serviço de restituição do imposto no banco. A parcela pode ser pega na data da restituição ou no vencimento (21/12). Os valores variam entre R$ 5 mil a R$ 10 mil, com mínimo de R$ 200. Seus juros, por fim, são de no mínimo de 2% mensais.
  • Caixa Econômica Federal: o contrato do serviço é até o dia 30 de setembro. Pessoas físicas podem fazer o envio da declaração à Receita Federal, indicando a Caixa como o banco de restituição do imposto. A taxa é de no mínimo 1,78%, com o crédito disponível sendo de até 75% do valor restitutivo que a declaração prevê.
  • Banco do Brasil: é preciso ter limite de crédito e indicar a conta do Banco para a restituição. O pagamento ocorre numa única parcela, na data da restituição ou vencimento (janeiro de 2023). A taxa é de 1,99% mensal.
  • Santander: mínimo de R$ 100 para o contrato do serviço. A antecipação é de até 100% da restituição, e o dinheiro fica disponível no mesmo dia. A taxa é de no mínimo 1,69% mensal, mas pode variar de acordo com o cliente.

Além disso, os especialistas recomendam que você analise se o processo vale a pena. Em suma, a antecipação pode ser bem útil em situações emergenciais. Quitar grandes dívidas, por exemplo, é uma boa justificativa. Contudo, gastos pessoais de consumo não são recomendáveis.

Isso porque há taxas de juros nos empréstimos, que podem prejudicar uma renda mal planejada. Assim, analise sua situação antes de decidir.