Como saber minha descendência: Veja aqui!

Como saber minha descendência? Essa é uma pergunta que você fez pelo menos uma vez na vida. Com tantos pedidos assim, decidimos criar esse conteúdo completo sobre o assunto com três formas para isso. Entretanto, é muito importante que você leia a nossa matéria até o final.

Como saber minha descendência: Veja aqui três formas de saber a resposta

Nessa matéria vamos apresentar três formas de você saber sua descendência. Essas três maneiras podem ser usadas individualmente ou de forma conjunta. Podemos dizer até que isso é uma pesquisa. Entretanto, somente você pode dizer qual é o tamanho dela. 

Procure o seu histórico familiar

Primeiramente você deve procurar o seu histórico familiar. Esse pode ser um ótimo ponto de partida ou uma estratégia completa. Afinal, a melhor forma de saber sobre a sua descendência é sobre o seu próprio histórico.

Dessa forma, busque entre os seus parentes mais velhos informações sobre seus antepassados. Essas informações devem ser bem amplas inicialmente para construir uma espécie de linha do tempo. 

Essas informações são:

  • Nome completo, nome parcial ou até mesmo apelido
  • Data de nascimento ou morte (Pelo menos o ano)
  • Relacionamentos dessa pessoa (filhos, companheiros amorosos, pais e etc)
  • Última residência (Pelo menos a cidade)
  • Profissão

Essas perguntas são a base dessa grande linha do tempo. A ideia é que você pergunte a fim de conhecer melhor os seus parentes distantes. Entretanto, a resposta que você realmente quer é sobre os pais dessas pessoas.

Por exemplo, vamos imaginar que você quer conhecer seus bisavôs. Naturalmente, seus pais vão saber quem eram eles. Ao menos essas informações são mais básicas e então você pode perguntar quem eram os pais deles.

Nesse momento, seus pais podem não ter todas as informações. Entretanto, você agora já sabe mais sobre seus bisavôs e pode consultar com outras pessoas que os conheceram. Dessa forma, será possível fazer uma linha do tempo com essas informações.

Obviamente, esses detalhes se limitam até algumas gerações. Entretanto, se esse for o seu objetivo já será o suficiente. Para finalizar essa etapa ou essa maneira de identificar sua descendência, procure e principalmente anote essas informações com histórias.

Esses detalhes vão ser essenciais para sua pesquisa e a base para os próximos passos que vamos falar para você. 

Procure mais sobre o seu sobrenome

cropped-computador-istock-614409740.jpg
Como saber minha descendência

O segundo passo ou a segunda maneira de saber sua descendência é através do seu sobrenome. Afinal, eles são as principais pistas para identificar onde sua família começou (ou esteve) pelo mundo. Geralmente, essa é a maneira mais usada pelas pessoas para saber sua descendência.

A ideia é que você busque todos os seus sobrenomes. Se você fez o passo anterior, essa é uma base de dados muito interessante para começar. Afinal, você pode juntar todos os nomes que mais se repetem e pesquisar sua origem.

Obviamente, não é necessário deixar nenhuma informação de lado. Até os nomes que pouco se repetem é interessante pesquisar para encontrar pontos de conexão. Esses pontos de conexão vão te dar informações mais precisas e falar sobre sua família de maneira ainda mais ampla.

Por exemplo, vamos imaginar que sua família tem o sobrenome Ferreira Costa. Um sobrenome (Italiano e Português). Dessa forma, você pode pesquisar mais sobre sua origem tentando encontrar pontos de conexão entre a Itália, Portugal e Brasil. 

Tente encontrar eventos, situações que as duas famílias se conectaram. Sempre fazendo as seguintes perguntas:

  • Qual a origem mais provável dos dois sobrenomes?
  • Em que contexto mundial seus antepassados vieram para o Brasil?
  • Qual povo sua família pertencia? (Especulação​)

Nesse momento os seus antepassados não são tão pessoais como no tópico anterior. Ou seja, é provável que nem saiba o nome de várias pessoas. Apenas que a sua família veio para o Brasil ou uma família se casou com outra nesse aspecto, mas sem nomes ou uma história conclusiva.

Como saber minha descendência: Faça um exame de DNA!

Para finalizar, temos o último passo ou última opção para você que é o exame de DNA. Esse exame vai traçar o seu perfil genético relatando os países que seus antepassados vieram. Dessa forma, se você seguiu os passos anteriores, pode obter uma confirmação exata da sua linha do tempo.

Gostou da nossa matéria sobre como saber minha descendência? Deixe seu sobrenome aqui nos comentários, talvez você encontre um parente distante.